top of page
  • Paranews

Programação de inauguração da Orla de Ananindeua reuniu mais de 45 mil pessoas

O novo cartão postal foi bastante frequentado e os shows de Nosso Tom e do Cantor Péricles animou a noite.


Na tarde deste domingo (03) o novo ponto Turístico de Ananindeua, a Orla de Ananindeua, começou a receber centenas de munícipes e turistas que elogiaram o novo espaço. O Prefeito de Ananindeua, Dr. Daniel Santos, disse que a nova orla vai impulsionar também a oportunidade emprego e renda. "Esta é a primeira Orla do município, um novo ponto de encontro e de lazer, para que as famílias de Ananindeua possam desfrutar da beleza do Rio Maguary, lindo este novo cartão postal para a cidade. Um projeto que trará oportunidades de lazer e ambientes de visitação, mas também impulsionará a oportunidade de emprego e renda, e o estímulo ao turismo.”


O músico Anderson Silva, membro e fundador do grupo Parananin, disse sentir orgulho de estar fazendo parte da celebração da nova Orla de Ananindeua. “Estamos aqui hoje, fazendo parte da inauguração da primeira orla de Ananindeua, é com muito orgulho que a gente quer apresentar a cultura do nosso município, pra marcar mais uma vez a história da nossa cidade, esse momento tão engrandecedor, que vai abrir portas para o turismo aqui em Ananindeua”.


Ana Gabriela Ferráz, funcionária pública, que faz parte do Dep. de projetos da Secretaria de Saneamento de Ananindeua (SESAN), agradeceu em nome da equipe, pelo excelente trabalho. “Estamos extremamente realizados com a entrega dessa obra que é pioneira na questão do turismo fluvial em Ananindeua, que vai atrair pessoas também de Belém, para conhecer, movimentar a economia, trazer benefícios que a gente nem consegue medir ainda, é uma honra ter participado do projeto, só tem a crescer o bairro do Icuí e todo mundo tem a ganhar com isso. Aqui pode ser um novo eixo de escoação da cidade, tenho orgulho de morar Ananindeua, cada vez mais”.


Cristiane Oliveira, visitou o lugar e planeja vim mais vezes. “Eu vim prestigiar esse evento a nova orla de Ananindeua, meu filho foi convidado pra trabalhar aqui juntamente com o projeto, um espaço bem atrativo, com a viabilidade de geração de emprego, está todo mundo de parabéns. Pretendo voltar mais vezes, até pra conhecer mais o espaço, porque está muito bom mesmo. Um grande potencial não só para população de Ananindeua como para Belém também”. O espaço será uma área de convivência e lazer às margens do rio Maguari. Por ser um projeto inovador, dará aos habitantes sentimento de cuidado, pertencimento e orgulho, além de movimentar o turismo, a economia local, gerar empregos e atrair novos investimentos para a cidade


O arquiteto e urbanista, Gualdino Pimentel, 26 anos, falou sobre a emoção e a inspiração de ser escolhido para participar do projeto. “É uma vitória muito grande porque eu sou morador de Ananindeua, vim da escola pública, participei de vários projetos aqui no município, e estar dando esse retorno pra minha cidade é muito gratificante, porque a gente não tinha acesso aos nossos rios. Mostrar isso para a população é muito gratificante, porque nós de Ananindeua também somos Amazônia. Ter esse contato com o rio, trazer equipamentos modernos, trazer uma arquitetura mais contemporânea e fazer com o que mobiliário abrace a sociedade, que o deck abrace a sociedade, o espaço multiuso, o pórtico, tudo aqui tem identidade amazônica e principalmente esse contato com o rio. Ananindeua já está sendo inspiração pra todo o Pará e também para nossa capital”. 


O músico, Sandro Sadin, levou diversão e entretenimento ao evento e falou sobre a emoção de estar se apresentando na inauguração da Orla de Ananindeua. “A nova orla é o novo cartão postal da cidade, um presente para a comunidade, foi uma obra recorde, com muita estrutura e qualidade para a cidade”.


E até um padre não resistiu a grande novidade e veio ver de perto o novo cartão postal. “Estou aqui faz dois anos, e agora encontro outro Icuí, é possível perceber a evolução social e histórica desse bairro e com muita alegria nós como igreja também acompanhamos essa evolução. O progresso da igreja no bairro caminha junto com a progressão social do bairro também, e isso é motivo de orgulho pra nós”, disse o Pe. Leonardo Monteiro, da Paróquia Ascensão do Senhor, que fica no Icuí-Guajará em Ananindeua.


Gleyson Macedo, presidente do Instituto de Pessoas com Deficiência de Ananindeua (IPDA), veio conferir se o espaço é feito para todos. “Essa orla trouxe grandes benefícios para os moradores de Ananindeua e inclusive as pessoas com deficiência, porque hoje a orla é toda acessível para a população de Ananindeua”.

O cadeirante, Eli Júnior, também estava muito feliz com a acessibilidade do local. “A pessoa com deficiência vai ter mais lazer aqui em Ananindeua, moro aqui na Cidade Nova faz mais de 15 anos e agora ficou mais fácil e mais próximo porque antes a gente tinha que ir pra Belém e agora vou frequentar mais vezes”.


Fonte: anannews

Foto: reprodução

38 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page