top of page
  • Paranews

Lindôra Araujo recua e diz que recebeu decisão de Moraes sobre empresários




A vice-procuradora-geral da República afirmou que ela estava participando de uma cerimônia na sede do MPDFT quando a notificação do ministro do STF chegou ao seu gabinete


A vice-procuradora-geral da República, Lindôra Araujo (foto), admitiu, nesta quinta-feira (25), que ela fora previamente notificada por Alexandre de Moraes sobre os mandados de busca e apreensão que ele expediu contra oito empresários bolsonaristas acusados de defender um golpe de Estado.


Até então, ela alegava não ter sido intimada antes da operação da PF que cumpriu os mandados, na terça-feira (23).

“Embora a cópia da decisão tenha chegado ao gabinete da Vice-Procuradoria-Geral da República na tarde que antecedeu o cumprimento das diligências determinadas, factualmente o documento não chegou ao conhecimento desta signatária”, disse Lindôra em nota a O Globo.


No momento em que seu gabinete recebeu a notificação, ainda segundo a nota, a vice-procuradora-geral estava em uma cerimônia de posse de promotores adjuntos na sede do Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios (MPDFT).


FONTE: O ANTAGONISTA

IMAGEM: GOOGLE REPRODUÇÃO

64 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page