top of page
  • Paranews

Homem foi preso em flagrante após matar dentista e arrancar dedo indicador para fazer saques


Um homem de 22 anos foi preso em flagrante ontem (16) em Ibirama (cerca de 220 km de Florianópolis) após roubar, matar e decepar um dedo de um dentista em Fraiburgo, a cerca de 160 km dali.


Segundo informações da Polícia Militar de Fraiburgo, o autor do crime foi convidado para jantar no apartamento da vítima na noite anterior. Ele, então, matou o homem, roubou seus pertences, como celular e videogame, e mutilou um de seus indicadores para poder fazer saques bancários em seu nome.


A vítima foi identificada como Rafael Caranhato, de 25 anos. Ao UOL, o tenente Marcos Tarniovicz contou que o criminoso levou os itens para o carro de Caranhato durante a madrugada, mas provavelmente não encontrou o controle que abria o portão da garagem. Ele esperou dentro do automóvel até a manhã do dia seguinte, quando conseguiu sair após vizinhos da vítima abrirem o portão. Uma mulher que trabalha na mesma clínica que o dentista estranhou quando ele não apareceu para trabalhar, pois tinha atendimentos agendados e nunca tinha se atrasado. Ela acionou a polícia, que conseguiu entrar no apartamento da vítima com a ajuda de um chaveiro.


"O que chamou a atenção foi a brutalidade da cena do crime, quando ele decepou o dedo da vítima, o sangue espirrou nas paredes", afirmou Tarniovicz. O tenente contou que a polícia conseguiu encontrar o criminoso ao rastrear o carro de Caranhato. Todos os pertences roubados foram recuperados, bem como R$ 6 mil dos R$ 7 mil sacados da conta da vítima pelo autor. Em nota, a Polícia Civil de Santa Catarina afirmou que o autor do crime foi autuado em flagrante pelo crime de latrocínio — roubo seguido de morte.


Fonte: Uol.


39 visualizações0 comentário
bottom of page